quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Livro de ficção é investigado pela Polícia Federal por suposta falsificação de documento

O escritor Ricardo Lísias foi intimado a comparecer à Polícia Federal em São Paulo para esclarecer suposta falsificação de documento público. O motivo: uma peça de ficção criada pelo autor para sua série Delegado Tobias, que consiste em uma decisão judicial ficcional que tem função na própria narrativa.

O episódio surreal fez a ficção tornar-se realidade. A leitura da obra permitiria um esclarecimento, mas as instituições preferiram a instauração de inquérito.

Leia mais aqui

Nenhum comentário: